Como alcançar o seu Autoconhecimento e qual é a Importância para sua Vida

Autoconhecimento é uma palavra autoexplicativa, mas seu processo requer uma reflexão muito profunda. Se alguém perguntar o quanto você sabe sobre si mesmo, qual é a sua resposta?
A maioria das pessoas pode achar esse tipo de questionamento até estranho, mas a verdade é que a prática do autoconhecimento ainda raramente é exercida. Somente quando surgem dificuldades e obstáculos podemos entender verdadeiramente quem somos com base em nossas reações e ações. Algumas pessoas ficam até surpresas com a atitude que tomam, é aí que surge a famosa frase: “Nossa, não sei se eu posso fazer isso” ou “Nunca pensei que pudesse fazer isso”.
Mas não se preocupe, você não precisa esperar o desafio de promover a autoconsciência. Existem algumas ferramentas e métodos que podem funcionar com precisão de acordo com os princípios de Vipassana e conhecer a si mesmo, seus próprios pontos fortes e fracos. Quer aprender mais sobre este tópico? Portanto, siga-nos ao longo deste artigo.

O que é autoconhecimento?

O autoconhecimento nada mais é do que uma investigação de si mesmo Também pode ser um projeto ético, quando se busca realizar algo para que o sujeito se torne seu próprio senhor e, portanto, uma pessoa melhor. Em outras palavras, é nossa capacidade de olhar para dentro e entender exatamente nossos pontos fortes e fracos, fortes e fracos. Não como um juiz, mas como uma pessoa que aceita e faz o possível para melhorar a cada dia. Isso significa fazer um mapeamento interno completo e entender a partir dele quais devem ser nossas ações e para onde elas nos levarão. Afinal, autoconhecimento significa saber todos os detalhes que acontecem conosco, sejam pensamentos, emoções ou ansiedade. Faz de você sua própria bússola.

Por que pensar sobre si mesmo?

À primeira vista, esse gesto pode parecer egoísta, mas pelo contrário. Somente aqueles que podem entender seus conflitos podem tratar uns aos outros com verdadeira generosidade. Ao pensar por nós mesmos, não prestamos mais atenção aos outros e fazemos julgamentos O autoconhecimento também é necessário para definir nossos objetivos. Ou você já conheceu pessoas de sucesso em sua vida que não sabem para onde você está indo? Somente aqueles que pensam por si mesmos podem se livrar da fé. Outros são levados pela maré ou usam a intuição como mapa, guia. A pergunta que você precisa fazer é: de que lado você quer estar? Aqueles que caminham com segurança? Ou aqueles que desejam escolher o caminho certo?

A importância do autoconhecimento

Se o autoconhecimento não for tão importante, os monges não ficarão muito tempo isolados em busca de respostas. No entanto, não há necessidade de tomar medidas drásticas, como férias, para desenvolver essa habilidade – embora estar sozinho seja uma boa maneira de entrar em contato conosco. A exploração do autoconhecimento é também uma exploração do eu interior, para os nossos objetivos de vida, por causa da razão de estarmos na terra.

Benefícios do processo de autoconhecimento

Com o autoconhecimento, podemos colher diversos benefícios, que podem nos ajudar tanto no âmbito pessoal quanto profissional.
Separamos três vantagens que o desenvolvimento desta virtude pode oferecer. Confira!

Descoberta das nossas forças e fraquezas

Todo mundo tem seus próprios pontos fortes e necessidades para ajudar a definir sua personalidade, mas apenas aqueles que realmente se entendem sabem o que são. Se você não sabe como identificar e determinar a melhor forma de aplicar essas qualidades, não pode tirar proveito delas. Seus pontos fortes precisam ser usados ​​para seu próprio uso, para que possam atuar como facilitadores para a obtenção de resultados. Quando se trata de suas limitações, o autoconhecimento é mais importante. Caso contrário, eles serão difíceis de superar em algum momento.

Busca pela consciência

As respostas que descobrimos com o exame da nossa mente não só contribuem para que nos conheçamos melhor, como também para que possamos avançar à uma próxima etapa, em busca de um estado de consciência plena. Isso significa entender, de fato, quem você é. Você não é alguém que possa ser definido por estereótipos e nem por seus pontos fortes e fracos – ainda que eles façam parte do todo representado por você. Tudo isso poder ser modificado, mas a sua essência não muda. E é exatamente nisso que precisa pensar. Trabalhe para alterar comportamentos nocivos e tome o rumo na direção da transformação real. Mas atenção: será preciso muita força de vontade e dedicação para isso.

Abertura da mente

Ao se conhecer melhor, você abre um leque de oportunidades para buscar a felicidade. Novas experiências só aparecem para aqueles que estão dispostos a encarar cada oportunidade com unhas e dentes, sem medo. Para isso, é preciso se arriscar – e só dá esse passo quem pratica o autoconhecimento. Afinal, superação tem a ver com ultrapassar seus limites. A propósito, você sabe quais são eles?

Mas, afinal, como alcançar o autoconhecimento?

Existem diferentes formas para alcançar o autoconhecimento. Como dissemos, os monges o buscam por meio do isolamento voluntário e da solitude. Outros podem chegar lá através da meditação e da ioga. Também existem muitas pessoas que procuram na metodologia coaching uma alternativa para que possam se conhecer melhor. Seja qual for a forma escolhida e encontrada por você, tenha certeza que ela vai exigir muita concentração, força de vontade e dedicação de sua parte. Além disso, elas não são excludentes entre si. O autoconhecimento não vem fácil, mas tenha a certeza que vale cada esforço.

Como funciona o processo de autoconhecimento

O que gosta, não gosta de fazer e por quê? Você se sente feliz? Como você se vê daqui a alguns anos? Você possui planos para sua vida? Não, isso não é um quiz que você responde na internet para ver qual personagem da série se parece mais com o seu perfil. Mas todos esses questionamentos ajudam a dizer quem você é – ou, ao menos, como você se enxerga. Ou seja, essas perguntas são a porta de entrada para o seu processo de autoconhecimento.

Os três níveis do autoconhecimento

Para quem busca o autoconhecimento, é preciso saber responder com precisão a três perguntas que ajudam a determinar qual nível você já atingiu nessa jornada.
Vamos a elas!

1. O que você está fazendo?

O que gosta, não gosta de fazer e por quê? Você se sente feliz? Como você se vê daqui a alguns anos? Você possui planos para sua vida?
Não, isso não é um quiz que você responde na internet para ver qual personagem da série se parece mais com o seu perfil.
Mas todos esses questionamentos ajudam a dizer quem você é – ou, ao menos, como você se enxerga.
Ou seja, essas perguntas são a porta de entrada para o seu processo de autoconhecimento.

2. O que você está sentindo?

Passada essa primeira barreira, é chegada a hora de mergulhar em águas um pouco mais profundas: os mares do sentimento. Quando se leva a vida sem grandes reflexões, é comum que nossas emoções fiquem confusas. Não sabemos direito o que estamos sentindo. Será tristeza ou frustração? Alegria ou alívio? Para seguir nadando em busca do autoconhecimento, precisamos colocar nossa mente em ordem e começar a compreender os sinais que ela está passando. No lugar de reprimir as emoções – como sempre nos foi ensinado -, é necessário entender o que e o porquê de estarmos sentindo tal coisa. Use os sentimentos ao seu favor. Acredite, até sensações aparentemente nocivas, como a raiva, por exemplo, podem ser grande fonte de inspiração.

3. Quais são seus pontos cegos?

Pronto, agora você atingiu o fundo do mar e está no terceiro nível do autoconhecimento. É aqui que você vai se deparar com as suas crenças limitantes, com as falsas imagens que criou de si mesmo. É hora de parar de esconder esses pensamentos negativos e colocar todos eles para fora. Essa atitude vai fazer com que você se liberte dos seus mecanismos de defesa e possa nadar de braçada nas águas calmas da sua consciência. Superar todos esses níveis não é tarefa fácil, mas com força de vontade e dedicação é possível chegar lá. Confiamos em você. Mas a pergunta que deve ser feita é: e você, também confia?

Por que o autoconhecimento é fundamental para o sucesso?

Essa resposta é fácil de dar: porque o autoconhecimento é simplesmente a melhor maneira de encontrar o caminho que vai levar você até às realizações que sempre sonhou. Imagine só uma pessoa que sabe exatamente quais são seus pontos fortes, suas dificuldades, aonde quer chegar e o que precisa fazer para tal. Ela certamente tem muito mais chances de obter êxito em suas escolhas.

O autoconhecimento pessoal

Quais são os seus objetivos de vida? Você quer casar, constituir uma família, ter estabilidade, casa própria, carro do ano? Ou prefere não pensar tanto nos bens duráveis e dedicar seu tempo livre para viajar e conhecer outros lugares? É isso que o autoconhecimento pessoal vai lhe ajudar a encontrar: quais os comportamentos, as emoções e as habilidades que vão auxiliar no alcance das metas estabelecidas para a sua esfera pessoal

O autoconhecimento profissional

O que você espera da sua carreira? Quer mudar de emprego? Continuar na empresa que está? Busca uma promoção? Deseja mudar totalmente de ramo? A resposta para todas essas perguntas vai ser conseguida através do autoconhecimento profissional. Não importa qual é o seu objetivo, todo o crescimento parte de um desejo interno de evoluir.

O crescimento como ser humano

Procurar o equilíbrio entre o autoconhecimento pessoal e profissional é a melhor forma de garantir o crescimento como ser humano. Um lado não vive sem o outro. Além disso, sobrecarregar ou dar mais a outro pode colocar tudo a perder. Esteja disposto a enfrentar todos os desafios que aparecerem para ir em busca dos seus sonhos nos diferentes âmbitos. Esse é o segredo para a felicidade.

Como pensar em seu propósito

O que faz você acordar de manhã e levantar cedo todos os dias? Já parou para tentar refletir sobre isso? É preciso muito autoconhecimento e força interior para chegar a essa conclusão. Mas, calma lá, nós vamos ajudar você. Saiba como pensar em seu propósito em cinco passos: Primeiro, exerça tudo o que você aprendeu sobre autoconhecimento até aqui Em seguida, tente acalmar aquela inquietação que, às vezes, toma conta. Procure focar na sua respiração e esvaziar a mente Logo depois, reflita sobre suas atitudes. Será que você doa mais do que recebe? Será que você é aquela pessoa que orgulharia seus pais? Feita essa reflexão, procure levar a vida sem expectativas e longe do automatismo. Trabalhe para atingir o sucesso que tanto deseja e não espere que ele caia do céu Por fim, construa a sua própria história. Analise todo o seu potencial e veja de que forma você pode contribuir para um mundo melhor.

Autoestima e autoconhecimento

Quando começamos a nos conhecer melhor, também passamos a desenvolver toda a autoconfiança que precisamos para seguir em frente. Estamos falando sobre aquela força necessária para levantar qualquer autoestima e mostrar que somos capazes de enfrentar qualquer parada. Nenhum desafio é tão grande que não possa ser superado. Assim como não há nenhuma alegria que dure para sempre. Mas, com uma autoestima lá nas alturas, fortalecida graças ao autoconhecimento adquirido, só vai existir espaço para o otimismo e para a crença no próprio potencial.

Autossabotagem: quais são os comportamentos mais comuns?

“Não posso”, “não consigo”, “fulano é melhor do que eu”, “não vou dar conta de cumprir o prazo”. Esses são pensamentos que chamamos que autossabotagem, pois eles jogam contra nós. Muitas vezes, lançamos mão deles sem querer. São crenças limitantes e padrões que repetimos sem nem ao menos pensar. Junto dessa maneira de pensar costumam aparecer os comportamentos destrutivos, que usamos para ratificar a incapacidade que insistimos em falar para nós mesmo que temos. As atitudes mais comuns são:

  • O medo de ir em frente
  • A procrastinação das tarefas
  • A negatividade e o pessimismo
  • A autocrítica exacerbada
  • A ausência de confiança.

Fique de olho nesses comportamentos, pois eles não merecem espaço.

Veja essa Aula Completa Sobre auto conhecimento que faz parte do nosso Curso Gratuito de Psicanálise

Gostou desse Artigo ?  

Quer saber Mais sobre Psicanálise ?

 Já Pensou em fazer o Curso Gratuito de Psicanálise Clínica com Certificado ?

 
Nosso Curso de Psicanálise Gratuito é formado por um Grupo Privado de Psicanalistas e Alunos Voltados para o atendimento GRATUITO de pessoas que Precisam de Ajuda por estarem com Sintomas e Transtornos Emocionais, com Problemas ligados a Depressão, Suicídio, Ansiedade.
Nossa Missão é AJUDAR 100 MIL PESSOAS nós Próximos 365 DIAS, Que estejam passando por VÍCIOS, SOLIDÃO, VONTADE DE SE MATAR, SE VONTADE DE VIVER, entre outras..
 
Queremos te dar Ferramentas para que Você possa MUDAR A VIDA de UMA PESSOA que Sofre com esse tipo de Problemas, Isso tudo de Forma GRATUITA 

Cadastre-se e Receba Agora em seu Email nosso CURSO GRATUITO de PSICANÁLISE com CERTIFICADO 

Deixar uma resposta

Fale Conosco
Tire Suas Dúvidas Agora !
Olá, você pode falar com alguém do nosso time e tirar suas Dúvidas agora mesmo !